Bichos como nós

Centenas de pássaros devem morrer devido à construção de estádio

Centenas de pássaros devem morrer devido à construção de estádio Foto: Matthew Paulson

 

Anos atrás as pessoas alertaram que a construção de um estádio gigante feito de vidro no meio de uma importante rota para aves migratórias seria uma armadilha de morte para elas. Agora, evidências mostram que elas estavam certas.

 

 

A controvérsia começou em 2012, quando o projeto para o novo estádio do time de futebol americano Minnesota Vikings em Minneapolis (EUA) se tornou público. As preocupações surgiram e não somente com a posição do estádio no Mississippi Flyway, mas também sobre o uso planeado de quase 200 mil pés quadrados do vidro altamente reflexivo que pode ser mortal para os pássaros que não o enxergarem.

 

 

Organizações de defesa de pássaros, ornitólogos e o público pressionaram para tornar o projeto amigável para os pássaros, mas a Minnesota Sports Facilities Authority e os Vikings não fizeram nada.

 

 

Agora, de acordo com um estudo divulgado pelo Audubon Chapter of Minneapolis, Minnesota Citizens for the Protection of Migratory Birds e pelo Friends of Roberts Bird Sanctuary, o estádio é tão mortal quanto os defensores dos pássaros previram.

 

 

Para o estudo, os voluntários monitoraram o estádio durante a migração de outono durante 11 semanas, começando em meados de agosto. Ao todo, registraram 74 aves de 21 espécies diferentes – 60 delas tinham sido mortas e outras 14 foram sido atordoadas depois de colidir com o vidro.

 

 

“Sabíamos que o vidro seria altamente confuso para as aves. Elas enxergam um reflexo de um céu azul no vidro, pensam que é um céu azul. Elas veem reflexos de árvores, pensam que podem pousar naqueles reflexos de árvores. Isso confirmou o que já acreditávamos que seria ruim”, disse o voluntário Jim Sharpsteen City Pages.

 

 

Segundo o estudo, cinco das espécies que foram mortas ou feridas estão incluídas na lista de espécies prioritárias de reprodução de Audubon Minnesota’s Blueprint for Minnesota Bird Conservation 2014 que estão em declínio no Estado.

 

Foto: Reprodução/Facebook, Make the New Vikings Stadium Bird-Safe

 

Mais preocupante é que as conclusões do documento significativamente subestimam o número de mortos. O monitoramento foi realizado apenas por um curto período e não foi realizado diariamente. Além disso, os voluntários não tiveram acesso a todo o estádio e o total não considera as aves que foram removidas pela equipe, guardas, membros do público ou catadores.

 

 

Mais mortes também são esperadas conforme árvores e outras plantas crescem ao redor do estádio e em um parque nas proximidades, atraindo ainda mais aves para a área.

 

 

Ainda assim, mesmo a estimativa conservadora de mortes estabeleceu o estádio como o maior prédio com aves em Minneapolis, que deve matar centenas delas nos próximos anos. A única questão que resta é o que será feito sobre isso.

 

 

A National Audubon Society fez um contrato com a Minnesota Sports Facilities Authority e os Vikings para realizar outro estudo de monitoramento que começará neste ano e será executado até 2018.

 

 

No entanto, as organizações por trás dos dados mais recentes argumentam que não há realmente nenhuma razão para esperar que outro estudo chegue à mesma conclusão quando mudanças poderiam ser feitas agora.

 

 

Eles gostariam que o vidro seja substituído ou revestido com algo que o torna menos reflexivo para evitar que mais aves morram desnecessariamente, o que deve ser priorizado, segundo o Care2.

fonte: Anda

Classifique este item
(0 votos)
Login para post comentários

Siga-nos na Rede

 fb icon 325x325   Facebook           tweter   Twitter

Espaço Lusófono © 2013 . Todos os direitos reservados

Login ou Registe-se

LOGIN

Registe-se

User Registration