Bichos como nós

A importância de apanhar o cócó do seu cão

 

 

É senso comum apanhar as fezes do seu animal na rua. Esta é a Princesa Madalena, a filha mais nova do Rei da Suécia, a apanhar o cocó do Zorro - o seu Jack Russel. Embora a maioria das pessoas também o façam há quem não queira mesmo fazer.

 

 

N 1049 1



6 razões para convencer aqueles que não fazem a recolha de fezes:

1. Pode levar uma multa. Por exemplo, em Lisboa, de acordo com o regulamento dos resíduos sólidos, tal é passível de uma multa que pode variar entre cerca de 50 a 730 Euros.


2. As águas da chuva podem transportar as fezes para o mar. O dejectos animais são ricos em nitrogénio que em excesso elimina o oxigénio necessário para algas, peixes e vida marinha poderem viver.


3. As fezes possuem, por vezes, organismos nefastos para o homem, como é o caso, por exemplo, da Giardia.


4. Alguns parasitas internos, provenientes de animais infectados, podem, uma vez depositados no solo, ser transmitidos a outros animais e até ao homem - afectando principalmente crianças que brincam no chão.


5. A sua rua vai cheirar melhor e ninguém vai correr o risco de, a caminho de uma reunião importante, pisar um presente indesejado.


6. Os seus vizinhos vão apreciar os seus bons modos, e é provável que levantem menos problemas quando o seu patudo decidir fazer uma sinfonia de meia noite uivando para todo o bairro.


Esperemos que estes argumentos tenham convencido quem não faz este acto cívico e que tenha informado quem faz sobre os benefícios de o fazer

fonte: guiadocao

Classifique este item
(0 votos)
Login para post comentários

Siga-nos na Rede

 fb icon 325x325   Facebook           tweter   Twitter

Espaço Lusófono © 2013 . Todos os direitos reservados

Login ou Registe-se

LOGIN

Registe-se

User Registration